Wednesday, 23 May 2012

ELZA RIBEIRO 1960

Elza Ribeiro was a 'great white hope' for some time in 1960. She was 19 years and had been singing in Spanish since her early teens at radio shows in São Paulo. 

Ever since Celly Campello broke all records with a cover of Neil Sedaka's 'Stupid cupid' (Estúpido cupido) in 1959, Elza decided she'd like to have a go at rock'n'roll too and suddenly out of the blue while she sang a rock tune at a function she was spotted by an RCA Victor executive who signed her immediately. Elza was made to record 'Banho de lua' (Tintarella di luna) just in time to compete with Miss Campello's EMI-Odeon release.

For a while both discs were played on the radio but Celly's background was unbeatable and Elza was left out in the cold. Actually, if RCA had worked harder on Elza she would have gone much further, but the executives were clueless and wanted quick results. Elza recorded a few more singles and then just like Peggy Sue did in that 1986 movie directed by Francis Ford Coppola, she got married.  


ELZA RIBEIRO é uma prova: SÃO PAULO PRODUZ ATÉ BRÔTO REVELAÇÃO

Revista do Radio, 30 Julho 1960.

Em 7 de outubro de 1940, nascia no bairro da Penha, em S. Paulo, a menina Elza Martins, que mais tarde, por conselho de Júlio Rosemberg, mudou seu nome para Elza Ribeiro, em homenagem a Almir Ribeiro que tinha tragicamente morrido afogado na praia uruguaya de Punta del Este.

Sua primeira apresentação ao microfone aconteceu na Radio Tupi através do Grêmio Juvenil Tupi, orientado por Homero Silva. Um dia, tomando parte numa festa de beneficência, em Santo André, no ABC paulista, acabou por despertar a atenção dos diretores da Radio Clube de Santo André. Foi então convidada a cantar naquela emissora, sem contrato, mas recebendo por atuação. Wilson Miranda também cantava na Radio Clube.

Na Radio Clube de Santo André, Elza, que até então se chamava Elza Rosário, teve um programa noturno exclusivo chamado 'Elza Rosário canta suave'.

Em julho de 1953, Elza Ribeiro foi apresentada por um colega da Radio de Santo André ao gerente da Radio Tupi, que a levou até Julio Nagib, seu diretor-musical, fazendo ela 5 testes. Enquanto aguardava o resultado das provas, foi vista por Julio Rosemberg, que a convidou para atuar em seu popular programa. Tão boa foi sua atuação, que a Tupi a contratou sem querer saber os resultados dos testes.

Elza, cantava então todos os gêneros musicais, dando preferência especial a cantar em castelhano. No início de 1960, Alberto Dias, diretor da RCA Victor, ouviu-a cantar um ‘rock’ e resolveu imediatamente contratá-la. Seu primeiro 78 rpm apresentava ‘Conversa ao telefone’ [Pillow talk] e ‘Banho de lua’ [Tintarella di luna], duas versões de Fred Jorge, fazendo assim ‘concorrência’ com Celly Campello da Odeon.

Agora Elza gravou mais dois rocks em versão e que são ‘Biologia’ e ‘Johnny Kiss’. Elza está começando a ganhar bom dinheiro em disco e até seu salário em rádio está melhorando.

Fora do rádio, Elza Ribeiro é aluna do 2º ano do Curso Normal do Colégio Estadual N.S. da Penha e pretende tornar-se professora. Se der tempo, quer lecionar e cantar. Se não for possível, encostará o diploma para quando deixar de cantar. Ela diz que não tem namorado firme e sim vários fãs e que só pretende casar-se daqui a 5 anos, pois, no momento, só a carreira artística lhe interessa.

Não pratica nenhum esporte, mas faz ginástica para manter a forma física. Tem cabelos e olhos castanhos-escuros, 1,54 de altura, pesa 50 kg., tem 62 cms de cintura, 93 cms de busto e 102 cms de quadris.





Elza Ribeiro aparece pela 1a. nas páginas da Revista do Rádio, quando de sua participação na 'Discoteca do Chacrinha', junto à Luiz Wanderley e outro cantor não identificado. 


Anúncio de página inteira na Revista do Rádio, mostra Elza Ribeiro na companhia de seus colegas de gravadora: Cauby Peixoto, Nelson Gonçalves, Carlos Gonzaga, Ellen de Lima e ainda Elvis Presley e Neil Sedaka de lambuja. 






No concurso Elza aparece na contagem final do concurso 'As grandes revelações do Rádio', com 1.360 votos. Seu fã-clube trabalhou bem.


Elza aparece na coluna 'Mexericos da Candinha': O brotinho paulista Elza Ribeira já está 'in love'. O nome do rapaz é José Carlos. Elzinha disse que deixa tudo, até o Radio, se ele quiser.


Partitura de 'Banho de lua', tendo foto de Elza Ribeiro e Celly Campello. 




Elza Ribeiro's home-made CD.

discografia de Elza Ribeiro

1959 - Sem carinho / Cinquenta são as primaveras - California 

1960 - Conversa ao telefone / Banho de lua - RCA Camden
1960 - Biologia / Johnny Kiss - RCA Camden

1960 - Garotas e rock / Participação - RCA Camden L.P.

1961 - Sonhando / Sem querer - RCA Camden
1961 - Amor de mamadeira (Baby sittin' boogie) / Vamos dar uma voltinha - RCA Camden 


No comments:

Post a Comment